fbpx

Notícias

Circuito nacional de arte leva circo e ritmo do ‘passinho’ para Poconé

Cria – Foto: Renato Mangolin

O circuito de arte do Sesc que percorre o Brasil chega a Poconé neste mês com apresentações gratuitas de circo e dança. O Palco Giratório traz os grupos Cia Suave/ Alice Ripoll (Rio de Janeiro) e Chocobrothers (Brasil/Espanha), para espetáculos vibrantes, nos dias 20 e 24, respectivamente, às 20h, no Sesc Poconé e na Praça Matriz da cidade.

No espetáculo de dança “Cria”, do grupo Cia Suave, o público vai acompanhar a conexão entre o passinho do funk, a dancinha (estilo de dança que é desdobramento do passinho, ambos oriundos do funk) e a dança teatro, interpretados por jovens dançarinos.

Cria - Foto: Renato Mangolin
Cria – Foto: Renato Mangolin

Dirigidos pela coreógrafa Alice Ripoli, o grupo esteve na Europa nos últimos quatro anos, levando a realidade brasileira, com reflexões sobre o cotidiano brasileiro, o nascimento, o afeto, a violência, expressa por meio da arte. A apresentação será no sábado (20/07), no Salão Social do Sesc Poconé. A classificação indicativa é de 14 anos.

O espetáculo circense Chocobrothers, com co-produção hispano-brasileira, é estrelada pelos artistas Guga Carvalho (Espanha/Brasil), Silvia Compte (Espanha), e Montanha Carvalho (Brasil). Feito na rua, ele agrada crianças e adultos e é repleto de ritmo, brilho e glamour. Ao combinar diferentes técnicas circenses, como barra fixa, malabares e equilíbrio, a apresentação tem grandes doses de humor e será apresentado na próxima quarta-feira (24/07), na Praça Matriz da cidade.

Chocobrothers - Divulgação
Chocobrothers – Divulgação

A superintendente do Sesc Pantanal, Christiane Caetano, conta que o Palco Giratório terá apresentações até dezembro, em Poconé. “O Palco é uma oportunidade de conhecer os principais espetáculos do país, com suas regionalidades e peculiaridades, e se enriquecer. São apresentações únicas e imperdíveis que promovem o trabalho de artistas independentes e manifestações artísticas diversificadas, como dança, circo, teatro, intervenções urbanas e suas interfaces”, declara.

Palco Giratório

O Palco Giratório está na sua 22ª edição e é reconhecido no cenário cultural brasileiro como um importante projeto de difusão e intercâmbio das Artes Cênicas, responsável por intensificar a formação de plateias a partir da circulação de espetáculos dos mais variados gêneros, em todos os estados brasileiros, nas capitais e no interior, desde 1998.

Fonte: Gabriela Sant’Ana – Assessoria