fbpx

Notícias

5 comidas de rua que são a cara de Cuiabá (e a origem delas)

Comer

Por Guru da Cidade

Se você é daquelas pessoas que adoram fazer um lanchinho na rua, comer aquele junk food de responsa, sabe que algumas delícias são a cara de Cuiabá, ou seja, são super fáceis de encontrar. O Guru da Cidade listou 5 dessas gostosuras e curiosidades sobre a origem de cada um.

1) Baguncinha

Baguncinha - Foto: Picdeer
Baguncinha – Foto: Picdeer

O começo da história desse lanche surgiu na década de 70. Primeiro surgiu o x-bagunça, que o empresário Ale Arfux afirma ter criado para inovar no quesito de lanches. Depois, já na era Collor, com a crise que espalhava, o x-bagunça foi reduzido pela metade, meia salsicha, meia porção de queijo…E o nome em homenagem ao x-bagunça acabou virando baguncinha.

2) Espetinho

Espetinho - Foto: Paraná Online
Espetinho

Em qualquer esquina, praça, barzinho é possível achar um espetinho, daqueles mais baratos, de R$ 2, até os mais requintados com carne de primeira. O apelido de churrasquinho de gato surgiu na década de 60, no Rio de Janeiro, quando foi descoberto um vendedor ambulante foi denunciado por vender carne de gato como carne bovina. A Vigilância Sanitária investigou e descobriu que nna verdade era carne de cotia, mas aí o nome já estava na boca do povo.

3) Churros

Churros - Foto: Curta Mais
Churros – Foto: Curta Mais

Frito na hora com recheio de doce de leite, chocolate, goiabada, Nutella e o que mais a imaginação permitir. A origem da receita tem várias versões: que foram os chineses que inventaram, que foram os portugueses e também que pastores espanhóis haviam criado a mistura. O fato é que a receita chegou ao Brasil na década de 60, mas não tinha recheio. Foi quando decidiram colocar doce de leite dentro do cilindro de massa que o doce passou a fazer sucesso.

4) Pipoca de carrinho

Pipoca - Foto: Marola com Carambola
Pipoca – Foto: Marola com Carambola

Quem nunca comprou pipoca de um pipoqueiro daqueles que têm um carrinho? As salgadas têm que ter bacon e calabresa, já a versão doce sempre tem corante para deixar a receita mais divertida. Esse alimento também tem origem desconhecida, mas registros históricos mostram que muito antes de Colombo chegar à América os índios do norte do continente já comiam pipoca. Porém, na época eles colocavam a espiga inteira em uma espeto e levavam ao fogo. A palavra pipoca vem do tupi e significa “milho rebentado”.

5) Pastel

Pastel - Foto: Gadoo
Pastel – Foto: Gadoo

Seja nas feiras livres ou nos trailer espalhados pela cidade (no Centro de Cuiabá tem vários) o pastel frito na hora é sinônimo de sucesso. Em Cuiabá dá para encontrar desde os mais simples, com recheio de carne ou queijo até os mais refinados, com recheios diferentes e até aqueles que valem por uma refeição completa de tão grandes. Essa delícia é parente do rolinho primavera chinês, que é uma massa de trigo com recheio assada em uma frigideira untada. Os imigrnates chineses começaram a vender o quitute no Brasil em 1890, que acabou ganhando uma versão mais simples, com apenas uma dobra e recheio no meio.