fbpx

Notícias

Alerta Aedes aegypti: 5 dicas simples para se livrar desse perigo

Aedes aegypti – Foto: Amigão Saúde

Por Guru da Cidade

Ele é pequenininho, difícil até de perceber, mas pode causar um estrago enorme. O Aedes aegypti é 3 em 1, transmite dengue, zika e chikungunya, doenças que podem gerar outras enfermidades, como microcefalia e Guillain-Barré. Por isso, é preciso estar atento para não deixar um mosquito acabar com a sua saúde. O Guru da Cidade também está nessa campanha e te conta 5 dicas simples de lugares que devem receber atenção, mas que a gente acaba esquecendo.

via GIPHY

1) Mantenha suas lixeiras tampadas

Lixeira - Foto: Sesa
Lixeira – Foto: Sesa

Muitas vezes a gente se preocupa com locais que naturalmente acumulam água, como baldes e vasos de planta. Mas o seu lixo pode te deixar doente. Isso porque qualquer resto de água em potinhos e até tapinhas que estão no lixo, podem ser criatórios do mosquito, por isso é necessário fechar bem as lixeiras e deixar os sacos de lixo bem amarrados e em local seco.

2) Dê aquela checada nos banheiros

Ralos - Foto: YouTube
Ralos – Foto: YouTube

Ralos e vasos sanitários de banheiros pouco usados podem ser criadouros do Aedes aegypti. Se você tem mais de um banheiro em casa, dê sempre aquela checada. Nos ralos e vasos que não são muito usados vale jogar água sanitária ou desinfetantes daqueles potentes pelo menos uma vez por semana.

3) Máquina de lavar pode ser um perigo

Máquina de lavar - Foto: Pinterest
Máquina de lavar – Foto: Pinterest

Nas máquinas de lavar roupa atuais, muita água é descartada durante o processo, por isso é preciso prestar atenção, até porque o mosquito gosta de água parada e nem precisa estar limpa. Verifique se não há vazamentos ou aquela poça de água embaixo da máquina ou se não há acúmulo de água nos canos de escoamento dessa água.

4) Já olhou o seu garrafão de água?

Bebedouro - Foto: Ponto Frio
Bebedouro – Foto: Ponto Frio

Quem utiliza garrafões de água deve prestar atenção nos vasilhames vazios (que devem ser guardados com a boca virada para baixo). Outro local que merece atenção é o suporte do garrafão, que precisa ser higienizado com água e sabão antes de cada troca, para evitar o acúmulo de água ou que os ovos do mosquito se instalem.

5) Não menospreze o acúmulo de água

Quintal - Foto: Último Segundo
Quintal – Foto: Último Segundo

Às vezes a gente acha que só recipientes grandes podem ser criadouros do mosquito. Só que não! Mas sabe aquele brinquedo que o seu filho esqueceu na varanda ou no quintal e pegou chuva? Pode ser um criadouro. Assim como canudos de plástico, tampinhas de garrafa, copos plásticos e até o reservatório de água de alguns tipos de ar-condicionado.