Notícias

6 indícios que você pode estar em um relacionamento abusivo

Relacionamento abusivo – VIX

Por Thalyta Amaral

No começo tudo são flores. O amor parece que vai resolver tudo. Mas com o tempo começam a aparecer os primeiros sinais. Você acha que não é nada, que foi coisa de momento, culpa da raiva ou do estresse. Às vezes você até pensa que se tivesse agido diferente o seu parceiro/companheiro/namorado/marido não teria motivos para brigar, xingar, humilhar ou tomar alguma atitude ruim. Se você tem dúvidas se está em um relacionamento abusivo o Guru da Cidade te mostra seis coisas que identificam esse tipo de relação.

1) Controle das escolhas

Controle das escolhas - VIX
Controle das escolhas – VIX

Seu parceiro ou parceira pede para você mudar de roupa, não sair com os amigos, deixar de conversar com determinada pessoa? Ciúmes excessivo, possessividade e tentativa controle são comportamentos clássicos de um relacionamento abusivo.

2) Chantagem emocional

Chantagem emocional - O que que há
Chantagem emocional – O que que há

Se você está com alguém que te vive fazendo ameaças para conseguir as coisas, tipo “se você me ama, faria isso” ou “se você não fizer isso vou terminar com você”, é um sinal de alerta. A chantagem emocional faz parte dos sintomas dessa doença chamada relacionamento abusivo.

3) A culpa é sempre sua

A culpa é sempre sua - Agemt
A culpa é sempre sua – Agemt

Não importa o motivo da briga, a culpa é sempre sua. Seja por causa dos ciúmes excessivos do parceiro ou até mesmo por causa da bagunça da casa, ele nunca teve culpa e, quando tem, você o levou a esse tipo de atitude. Nunca assumir a culpa faz parte das características de um típico embuste.

4) A pessoa não te agride, mas desconta em objetos

Fúria - Uol
Fúria – Uol

Ele nunca te bateu, mas já quebrou objetos de casa, esmurrou portas e teve outras atitudes de fúria. Seja por ciúme de um conhecido, por uma roupa que você usou ou até por um lugar que foi, ele sempre demonstra a sua raiva. Isso é sim uma forma de ameaça, de demonstrar a força e dizer que você pode ser a próxima.

5) Monitoramento constante

Monitoramento constante - Psico Online Blog
Monitoramento constante – Psico Online Blog

A pessoa te segue, checa seu celular, confere as suas curtidas nas redes sociais. Cuidado. Ciúme excessivo é um dos alertas para um possível relacionamento abusivo. Se você tem sempre que dizer onde está e com quem está, se não pode conversar com as amigas sem que ele ou ela esteja sempre fiscalizando, é bom ficar de olho, porque você pode estar em um relacionamento abusivo.

6) Agressão física

Agressão física - Cristo Urbano
Agressão física – Cristo Urbano

Pode parecer óbvio, mas é importante falar de novo: agressão física não é normal e faz parte de um relacionamento abusivo. Ele pode te mandar flores no outro dia, te tratar com carinho e dizer que nunca mais fará esse tipo de coisa, mas aqui vai um spoiler: a pessoa vai fazer de novo. E, geralmente, a agressão começa de leve, um roxo no braço porque ele te puxou com força, dores no pulso porque ele te segurou com força. Perceba o alerta e não deixe que a situação se agrave.

Alerta:

Se você está em um relacionamento abusivo, procure ajuda. Você pode conversar com alguém de confiança, ligar para o 180, a Central de Atendimento à Mulher que funciona 24 horas por dia, chamar a Polícia ou ir até a delegacia mais próxima. Denuncie. Não se cale.