Sabor baiano: Saiba onde comer acarajé em Cuiabá

acaraje

Especialidade gastronômica da Bahia, o acarajé é a comida dos deuses, não apenas no sentido figurado. O prato é utilizado em um ritual do candomblé ao culto da orixá Iansã, protetora contra os ventos e tempestades.

Espiritualidade à parte, o acarajé é comida típica dos baianos, mas conquistou o paladar dos brasileiros de todo país. Para os cuiabanos, quem elabora essa iguaria é o alagoano Marcos, do “Acarajé do Marcos”, que reina sozinho desde abril do ano passado.

Com o carrinho parado em um estacionamento de uma locadora de veículos, atrás do Shopping Pantanal, Marcos garante que o seu acarajé é da receita original da Bahia. “O dendê e o camarão defumado são trazidos diretamente de lá”.

Além da qualidade garantida, Marcos acredita que o sucesso do acarajé entre os cuiabanos, se dá por conta do desejo de muitos experimentarem esse prato litorâneo e de difícil acesso em nossa região.

acarajé 2
Acarajé

Entenda tudo o que vai ao acarajé:

Massa – É Feita de feijão fradinho e hidratado de um dia para o outro. Depois é processado com diversos temperos, para garantir o sabor daquele bolinho que vai ser frito no dendê.

Caruru – Cozido de quiabo

Vatapá – Pasta feita de pão amolecido no leite, que em seguida são acrescentados diversos temperos.

Vinagrete de Tomate Verde.

Camarão seco e/ou defumado por cima pra finalizar.

Ficou com água na boca? O Acarajé do Marcos está aberto de terça a sábado, das 17h30 às 21h30, o valor é de R$10. Para aqueles que desejam uma opção menos calórica, o Marcos também faz abará, que é basicamente os mesmos ingredientes do acarajé, mas é cozido no vapor ao invés de frito. O abará é vendido em poucas quantidades e apenas às sextas-feiras.

Para mais informações acesse aqui.


Conhece mais algum lugar que vende acarajé? Mande pra gente nos comentários! 

Compartilhe:

Você também vai curtir

Whatsapp do GURU

Acompanhe as novidades mais quentes do Guru direto no seu celular.

Clique Aqui